Maneiras de eliminar o bigode chinês e parecer mais jovem

0
146
Neusa Santos on Pinterest

O bigode chinês é considerado um dos empecilhos que podem aparecer ao longo dos anos e compromete a imagem do rosto da mulher.

Como resultado, saber como eliminar e parecer mais jovem é a melhor maneira de aumentar a autoestima e autoconfiança.

Pensando nisso, é nesse post que você vai descobrir as melhores maneiras de se livrar dessa marca e ter uma vida nova.

Bigode chinês – O que é isso

O bigode chinês é chamado no meio médico de sulco nasogeniano, já que é localizado na região entre lábios superiores e nariz, com linhas aprofundadas.

É importante dizer que esse tipo de marca são rugas, como outras que surgem na pele, sendo um sinal do envelhecimento natural da pele.

Entretanto, também pode estar ligada com a perda de gordura, atrofia muscular ou mesmo pela perda ou desgaste de colágeno.

Nesse caso, o bigode surge de maneira precoce.

Frequentemente, o bigode chinês é mais comum entre fumantes e indivíduos que se expõem longos períodos ao sol, mas também pode ter relação com noites mal dormidas, excesso de poluição e até alimentação excessiva de açúcar.

Assim, milhares de pessoas, todos os anos buscam uma solução para essas rugas, que podem ser bastante incômodas.

5 maneiras de eliminar o bigode chinês

– Preenchimento facial:

Para começar essa lista, uma das principais e mais conhecidas maneiras de eliminar o bigode chinês é através do preenchimento facial.

Na maior parte das vezes, o preenchimento desses sulcos é realizado com ácido hialurônico, mas também é possível o uso da toxina botulínica.

O objetivo do preenchimento facial é amenizar os sinais, através da reposição daquele tecido/gordura que está faltando.

É importante ressaltar que o preenchimento facial é uma técnica que tem a chamada data de validade.

Em outras palavras, assim como outros procedimentos, não dura para sempre e pode ser necessário fazer outras sessões.

Porém, o resultado pode ser notado logo após o preenchimento facial e a média de duração pode variar de seis meses a um ano.

– Uso de dermocosméticos:

Antes de aderir a procedimento estéticos, é comum que alguns profissionais estimulem o uso dos dermocosméticos.

Esses cremes não são invasivos e podem ser utilizados no dia-a-dia, garantindo resultados de longo prazo e evitando a necessidade posterior de preenchimento facial.

Seguindo essa linha, esses produtos contam com agentes ativos, como o do ácido retinóido, hialurônico ou pro-Xylane.

Para ficar fácil de entender, esses produtos têm como objetivos estimular o tecido da pele a produzir mais colágeno enquanto fortalece as fibras de elastina.

O resultado é uma produção natural dos tecidos, capaz de suavizar linhas do bigo chinês e outras rugas.

Por outro lado, esse tipo de tratamento é mais comum para quem tem linhas mais finas ou superiores ou mesmo como um tratamento preventivo.

– Facelift:

O facelift é uma técnica estética que vem crescendo nos últimos anos, geralmente recomendada para pacientes que tem mais de uma reclamação.

De maneira simples, o procedimento é cirúrgico e recomendado para quem tem mais de 40 anos.

Assim, a cirurgia é realizada através da elevação dos músculos e eliminação do excesso de tecido, através de pequenas incisões.

Na maior parte dos casos, o facelift tem como foco não eliminar apenas o bigode chinês, mas resolver o problema de perda de massa da face, eliminar o tecido da papada e atuar em cima do envelhecimento da pele.

É importante ressaltar ainda que, o facelift, é mais realizado por pessoas que tiveram uma alteração significativa de peso.

Afinal, ao emagrecer vários quilos, o corpo pode ter maior dificuldade para fazer com que o tecido se retrais, deixando-o flácido.

– Peelings:

O peeling é uma técnica que consista em estimular o tecido a produzir colágeno e fibras através da descamação do tecido mais superficial.

Para que isso ocorra, o procedimento estético pode envolver agentes químicos ou físicos.

Dessa maneira, o peeling é feito de maneira externa, utilizando ácidos ou mecanismos que fazem minúsculas perfurações nos tecidos.

Sendo que também é possível combinar o peeling químico com o mecânico.

A técnica é considerada indolor e rápida, durando cerca de vinte a trinta minutos.

– Radiofrequência e infravermelho:

Outras técnicas para eliminar o bigode chinês incluem a radiofrequência e infravermelho, que são bastante semelhantes.

Afinal, o aparelho de ambas emite frequências que tem como foco estimular a produção de colágeno, para melhorar a sustentação dos tecidos e amenizar as rugas e outras marcas de expressão.

É possível evitar o bigode chinês?

Ainda que o facelift, preenchimento facial e uso de cremes possam eliminar o bigode chinês, a recomendação dermatológica é saber como evitar que essas marcas apareçam.

Ainda que sejam resultantes do tempo, na maior parte das vezes, existem dicas simples que podem melhorar o aspecto da sua pele bem como a produção de colágeno, como:

  • Evitar exposição solar excessiva;
  • Utilizar protetores solares e hidratante;
  • Parar de fumar;
  • Praticar atividades físicas e fazer controle de peso;
  • Se alimentar de forma balanceada;
  • Fazer uso de cremes que estimulam a produção de colágeno;
  • Beba bastante água;
  • Saiba qual o seu tipo de pele e cuidados básicos ideais.

Caso você opte por disfarçar o bigode com maquiagem, é essencial avaliar qual base adere melhor a sua pele, para cobrir os sulcos.

Além do mais, é importante hidratar bem a região e evitar maquiagens que possam sobrecarregar a área, como pós que podem craquelar.

Já que isso pode evidenciar ainda mais as rugas.

Então, prefira bases e pós mais finos e que fazem uma cobertura delicada, prepare bem a pele e teste diferentes tipos de produtos antes de escolher o ideal.

Conclusão

As maneiras de eliminar o bigode chinês incluem tratamentos como o preenchimento facial, facelift, peeling, desmocosméticos, peeling, entre outros.

Para escolher a melhor opção para você, converse com o seu dermatologista e siga as dicas de cuidados para evitar a formação desses sulcos.

No mais, caso tenha ficado alguma dúvida, comenta aqui embaixo para que eu possa lhe ajudar.

Até o próximo post!

 

Comentários