21 setembro, 2020, 05:19
Inicio Notícias Top Bataguassu Prefeitura de Bataguassu cobra de Dnit solução para escoamento de águas pluviais...

Prefeitura de Bataguassu cobra de Dnit solução para escoamento de águas pluviais em travessia urbana da BR-267

0
395
Assecom Prefeitura de Bataguassu

A Prefeitura de Bataguassu está cobrando do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes em Mato Grosso do Sul (Dnit-MS) uma solução para o escoamento de águas pluviais na travessia urbana do município, na rodovia BR-267. O trecho é ponto de constantes alagamentos principalmente durante fortes chuvas como as registradas ontem, dia 20 de março.

Segundo o prefeito de Bataguassu, Pedro Arlei Caravina (PSDB), nas duas obras executadas pelo órgão federal na rodovia em anos anteriores não se levou em consideração a demanda de águas pluviais que descem dos bairros Jardim São Francisco, Jardim Campo Grande e adjacências. “A enxurrada que desce desses locais é muito forte. Precisamos de um trabalho emergencial para resolver esse problema”, comentou o prefeito.

Caravina salientou que existem situações como a falta de manutenção das bocas de lobo em pontos da travessia urbana, que são de responsabilidade do Dnit executar e que por não serem feitas acabam obstruindo esse escoamento de água. “Essa água acumulada desce toda em direção aos bairros da parte da cidade, penalizando principalmente o Jardim Santa Rosa, Novo Horizonte e Acapulco”, cita o prefeito, destacando que a chuva de ontem alagou a sede da Secretaria Municipal de Saúde, que fica situada na Avenida Porto XV de Novembro, às margens da rodovia.

O gestor disse que a administração municipal já moveu uma ação contra o Dnit e que aguarda a decisão judicial. “Já cobramos e voltamos a cobrar ontem [20] que alguma coisa seja feita já que a região é ponto de alagamentos e gera riscos de acidentes aos que trafegam pelo local além de muitos transtornos à população”, acrescentou.

INICIATIVA

Por parte do município, segundo Caravina, que é o atual presidente da Assomasul, o município a partir da construção de galerias pluviais que está em andamento  na extensão dos bairros Jardim Santa Rosa, Jardim Acapulco, Irmãos Solito e Centro – investimento na ordem de R$ 4.299 milhões, busca resolver em definitivo a  problemática desses bairros quanto ao escoamento das águas das chuvas.

“Já tivemos experiências positivas com as obras de drenagem executadas nos bairros Jardim América e Campo Grande e agora aguardamos a conclusão dessas galerias pluviais que tem previsão de serem concluídas entre 90 e 120 dias e que irá resolver em definitivo esses transtornos”, lembrou ele, pedindo mais uma vez a compreensão da população diante dos registros.

Comentários
1
Olá 👋, podemos te ajudar em algo? 🤩
Powered by